Fita de Vídeo: Para Assistir no Netflix, Amazônia Eterna

/
4 Comments
Que tal começar agora a mudar o mundo?

Foto do We <3 It

Amazônia Eterna


Amazônia Eterna, um documentário maravilhoso (não, não tenho 40 anos), brasileiro, que mostra que a ciência e a natureza podem e devem caminhar juntas. Fiquei encantada com o documentário, com o quanto a natureza é perfeita, com as paisagens e com como o homem pode viver em harmonia com a natureza sim! Talvez esse post toque e choque um pouco na consciência de vocês, essa é a intenção, trazer reflexão. Espero que não me entendam mal.
Vocês sabiam que é possível ser ecológico até desmatando? Eu não. Amazônia Eterna me ensinou.

Fonte
Em 2 minutos de documentário, eu já estava com lágrimas nos olhos. 

"Se a gente não cuidar, do que a gente vai viver? Ai, nosso lago que nós pesca, a gente tem que proteger pro resto da vida."

Que tal separar uma horinha do seu dia para aprender um pouco mais sobre seu país, sobre o mundo? Que tal deixar de lado por um dia as suas séries Americanas da moda, e assistir algo que é da sua, da nossa, responsabilidade, conhecer.

Fonte
"O homem ribeirinho que desde sempre viveu e nasceu no meio da natureza, aprendeu a tirar os recursos, os remédios, os alimentos, a brincadeira. Tudo sai da natureza, e a gente vê nas regiões que tem populações, que a floresta está mais conservada."

Que tal, ao invés de reclamar tanto e abanar rabo para gringos, começar a ajudar o teu país. Sugiro que comece assistindo esse documentário, aprendendo, lendo. Que tal para de dizer que é "só mato" e aprender o que é de verdade. Vida, cultura e economia.

Fonte

"Um besouro amazônico que vale 8 mil dólares. O que tem o besouro amazônico que vale tanto? Um grama do veneno da aranha-marrom vale 25 mil dólares. O que tem um grama de veneno da aranha marrom? Vamos pegar a água subterrânea da Amazônia, nos aquíferos. Isso dá 1,9 quatrilhão de dólares. É água para abastecer praticamente o mundo inteiro."

"Não necessariamente ambiental, não necessariamente social, sim econômico": As pessoas só pensam comparando ao dinheiro.

Fonte
"Tem que atribuir a recursos, sabe o por que? Se você não atribuir recursos à floresta em pé, ela jamais permanecerá em pé"

"Se ela não tiver valor econômico, ela vai ver mais derrubada. Então ela vai ser derrubada, queimada, exportada."

"A cada passo que você dá, você vê o tamanho da biodiversidade, seja pelos fungos se proliferando na sua casa até os animais que passam no seu quintal"

Fonte
Seremos capazes de tomar HOJE, decisões que afetarão as gerações futuras, decisões que afetarão como será o mundo e como será a Amazônia daqui a 50 anos?


-  Instagram: @meniborboleta

- Snap: meniborboleta

- Page do Blog: Blog Menina Borboleta

- Facebook: Helena Krauel Schmitt



You may also like

4 comentários:

  1. Esse documentário deve ser lindo. Também não tenho 40 anos mas amo documentários, principalmente desses que nos ensinam coisas novas.
    Quando mais nova eu era extremamente engajada em projetos de ajuda ecológica, mas conforme fui crescendo fui perdendo parte dessa minha vtd de ajudar, fiquei decepcionada com algumas coisas, mas ainda gosto de pensar que se cada um fizer sua parte a coisa vai pra frente.
    Amei a dica de documentário e te indico outro, assista Ilha das Flores, talvez você goste.
    Beijo, www.apenasleiteepimenta.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa, deve ser MARAVILHOSO não só visualmente, mas principalmente sentimentalmente, né... Vou colocar na minha lista da Netflix e, pelo que você falou, já sei que vou chorar demais.
    Eu também amo documentários, e de vários assuntos possíveis!
    http://sweetluly.expressorosa.com/

    ResponderExcluir
  3. Great photos!

    I hope that you visit my blog: SPIKED-SOUL.BLOGSPOT.COM
    Have a nice day!

    ResponderExcluir
  4. Adorei a dica!
    O documentário deve ser muito bonito e interessante também.
    Dica anotada! ^^
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir