Os Encantos do Mar

/
3 Comments
Oi gente, tudo bom com vocês? Pra quem mora aqui, no litoral, tem coisas que se tornam banais e começam a passar despercebidas e, para quem não tem o mar por perto, pode achar novidade! Aí criei essa nova tag, que vai mostrar, realmente, Os Encantos do Mar.
São coisas que encantam e trazem uma enorme felicidade, e estão de graça, na natureza, como animais, conchas e tudo que eu achar curioso (ou seja: tudo pois a caloura de ciências biológicas se encanta com qualquer coisa.....)
 Por motivos de: O-Homem-Estar-Acabando-Com-Toda-A-Natureza eu não irei revelar o nome das praias que estive, e separei em vários posts para não ficar muito cansativo. Queria postar mais, porém a ausência de Internet por lá impede qualquer tipo de comunicação com a humanidade (ok, exagerei), e por isso estou sumida das redes sociais também, mas está sendo bom desapegar.


Quando a maré baixa, fica visível o que chamamos de “Coroa”. Na Coroa ficam milhares de seres vivos e ter noção disso é uma sensação maravilhosa. Você escuta mil barulhos, sente eles nadando pelos seus pés e se escondendo de você. Esse foi o primeiro dia que fotografei lá e já foi extremamente gratificante, saí da praia com a alma limpa.


Esse é o Caranguejo-eremita dizendo oi para a câmera! Ele se abriga em conchas abandonadas e depois as transportam. Eles protegem assim a parte sem quitina do seu corpo (parte mole). Eles são bem dóceis e, apesar de medrosos, se você os deixa na mão por um tempo, eles começam a andar.



Essa é a concha que ele estava abrigado.



Um Caranguejo tentando se esconder.


Gaivota, espécie tipicamente costeira.


Outro eremita (tinham muitos), olha como é dócil!!






Carapaça de um caranguejo.


Anêmona-do-mar


Na volta para casa estavam abrindo Flores-Da-Meia-Noite



Concha fechada sem molusco.


Acho que é um tipo de Coral. Se alimentam de pequenos seres vivos como zoôplancton e pequenos peixes.


Esse é o famosíssimo Pepido-do-mar. Se alimenta de detritos do fundo do mar e espirra água quando apertado (não vão sair esmagando pepinos por aí).




O post acabada aqui pra não ficar muito longo e espero que vocês tenham gostado. É bom poder ver tantos seres vivos, significa que o ecossistema da praia que fui ainda tem chance de ser restaurado e, além de indicadores, os animais são muito importantes para a manutenção. Beijão e até semana que vem <3

- Snap: hkrauelschmitt

- Page do Blog: Blog Menina Borboleta

- Instagram: hkrauelschmitt

- Facebook: Helena Krauel Schmitt




You may also like

3 comentários:

  1. Que fotos maravilhosas. Aquele heremita na concha olhando para gente, muito fofo !

    ResponderExcluir
  2. Que post maravilhoso! Também quero fazer ciências biológicas, torcendo para que dê tudo certo.. �� Você é minha inspiração! Beijos

    ResponderExcluir
  3. Ah meu coração de sereia... não aguenta essas coisas... *-* rs
    Mais uma vez, repito, como eu gostaria de morar perto da praia. A propósito, que lugar lindo esse. Apaixonada... ^^
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir